MIDIA GOSPEL

Sáb10252014

Last update03:47:52

O Espírito de Jezabel - Estudo Biblico

Gostou? Comente este artigo no fim da página
{japopup type="image" content="http://www.midiagospel.com.br/http://www.midiagospel.com.br/images/stories/geral/pessoas/casais/homem-mandado-pela-mulher.jpg" title="" group="group"} Gospel o melhor da WEB O Espírito de Jezabel Estudos Biblicos {/japopup}

O espírito de Jezabel é uma referência à rainha Jezabel, mulher do rei Acabe. Uma mulher rebelde, manipuladora, que destruiu os profetas do Senhor, conforme narrado no livro de I Reis, na época do profeta Elias.

Jezabel é identificada em Ap. 2:20-26 atuando na igreja: "Mas tenho contra ti que toleras Jezabel, mulher que se diz profetiza, ensina e engana meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria. E dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua prostituição e não se arrependeu. Eis que a porei numa cama e sobre os que adulteram com ela virá grande tribulação se não se arrependerem das suas obras. E ferirei de praga a seus filhos e todas as igrejas saberão que Eu sou aquele que sonda os rins e os corações. E darei a cada um de vós segundo as suas obras. Mas eu vos digo a vós e aos restantes que estão em Tiatira, a todos quantos não têm esta doutrina e não conheceram como dizem, as profundezas de Satanás, que outra carga vos não porei. Mas o que tendes retende-o até que Eu venha. E ao que vencer e guardar até ao fim as Minhas obras Eu lhe darei poder sobre as nações".

Jezabel não consegue ter amizade nem comunhão com ninguém que ela não possa manipular e dominar no seu relacionamento.

Este espírito pode atuar sobre homem ou mulher, mas as mulheres são mais vulneráveis a ele porque quando manipulam e controlam o fazem sem usar força física. Este espírito energiza mulheres que são inseguras, vãs, ciumentas e dominadoras, que têm um desejo consumidor para controlar. O alvo principal deste principado é controlar e usar até a paixão sexual como uma de suas armas.

O espírito de Jezabel é encontrado geralmente nas posições de influência e liderança. Procura conquistar a confiança das pessoas para poder influenciá-las. Na igreja, segundo a irmã Pickett, as pessoas que obedecem a esse espírito possuem uma vontade muito forte, religiosidade e talento. Apresenta-se prestativa ou prestativo para serviços especiais, mas sua motivação é controlar. Pode até ser a esposa do pastor, às vezes. Pode ser então qualquer líder cuja motivação de liderança é aparecer e controlar os outros.

Se a pessoa sob a influência deste espírito não pode ser um líder, procura ganhar a confiança dos líderes a tal ponto que eles irão confidenciar suas fraquezas e até pecados que ela usará contra eles mesmos para dominá-los. Quando esta pessoa apresenta-se servil é só para ganhar um lugar de influência e controle. E odeia os verdadeiros profetas porque eles condenam o pecado em todas as suas formas e entronizam Jesus como o Único Senhor e Comandante da Igreja.

DEFESA CONTRA O ESPÍRITO DE JEZABEL

1- Nossa defesa contra este espírito é dar ao Espírito Santo total liberdade e preeminência nesta Igreja. Só Ele deve ser agradado. A aparência das pessoas não pode ser respeitada. O Espírito Santo revela o profundo e o escondido. Nós agora mesmo estamos sob Sua Luz Reveladora. Tudo o que é oculto, toda a impureza, toda a prostituição, todo o mal intento, toda a fofoca, toda a maledicência, toda a murmuração e insatisfação será descoberta e apagada pelo Espírito de Deus nesta Igreja. Toda raiz de divisão, de facção, de contenda será tratada. Todos sabem que Ele é Aquele que sonda os rins e os corações. Ele dará a cada um de nós segundo as nossas obras.

2- Combatemos o espírito de Jezabel pregando o Arrependimento verdadeiro que traz a presença de Jesus, que limpa e purifica a Igreja e estabelece-a em pureza e poder.

Pregamos o arrependimento não para atacar pessoas e discriminar vidas. Todos carecemos da graça de Jesus, porque todos somos pecadores e todos carecemos de arrependimento em alguma área de nossas vidas.

Pregamos o arrependimento que, segundo Deus, vem pela tristeza e pelo quebrantamento.

Quem vive magoado, ressentido, ofendido com seus parentes, amigos, irmãos e até com os líderes da igreja e com seu pastor, é chamado a perdoar e buscar a reconciliação, pois se não perdoardes aos homens as suas ofensas também o vosso Pai Celestial não vos perdoará.

Quem anda por caminhos tortuosos é convidado a andar direito.

Quem vive amasiado é convidado a casar-se conforme manda a Lei de Deus ou então que se separe até que regularize sua situação ou então que se separe mesmo e busque uma vida de santidade. Jesus mostrou muito amor à mulher samaritana e deu-lhe as palavras de vida eterna, mas não deixou de tratar do seu pecado, pois ela tinha tido cinco maridos, mas o que com ela estava vivendo não era seu marido.

Quem anda mexericando e falando da vida dos outros, é convocado a mudar suas palavras.

Quem anda fornicando, se prostituindo, de namoricos e desejos impuros e lascivos é convocado a mudar de vida, porque sem santificação ninguém verá o Senhor.

Pregamos e buscamos nesta igreja o arrependimento que produz uma vida de testemunho santo.

3-Combatemos o espírito de Jezabel buscando humildade. Queremos ter um coração de servo. Consideramos os outros superiores a nós mesmos buscando cultivar o mesmo sentimento de humildade que houve em Cristo Jesus.

4- Nossa defesa está operando eficazmente contra este espírito malígno e sua influência, porque nós cremos e desejamos ouvir os profetas de Deus que nos anunciam todo o conselho de Deus. Profetas que têm visões de Deus, que levam o povo de Deus a aproximarem dEle e que nos apontam que a solução de todos os nossos traumas, de todos os nossos pecados e fraquezas é a Cruz do calvário, a Cruz que Jesus usou para nos salvar.

Autor: Josué Gonçalves

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar