MIDIA GOSPEL

Dom02262017

Last update01:02:30

Livro lista 10 dicas para a pessoa nunca adoecer

Gostou? Comente este artigo no fim da página
GOSPEL Fotos e imagens Livro lista 10 dicas para a pessoa nunca adoecer Noticia Saude

A estratégia dos personagens do livro "Os Segredos das Pessoas que Nunca Ficam Doentes" não agrada muito aos médicos.

Em vez de simplesmente ter uma vida regrada e equilibrada, as 25 pessoas entrevistadas pelo jornalista americano Gene Stone se concentraram em mudar um hábito de suas vidas na tentativa de aumentar a longevidade e evitar doenças.

"Faz parte do ser humano essa busca por uma solução mágica, de preferência algo que não dê muito trabalho", afirma o oncologista Artur Katz, do Hospital Sírio-Libanês. "Comer dois tomates por dia, por exemplo, não vai livrar ninguém de ter câncer."

Mas algumas das soluções do livro não são tão fáceis. Tomar levedura de cerveja todos os dias ou comer alho são desafios.

Banho de água fria também requer certa coragem.

Dorival Pinheiro, 48, servidor público federal, toma banhos frios todos os dias há 30 anos, a não ser aos sábados, quando o aquecedor é liberado. "Fui motivado por um professor de biologia no colegial que disse que traz benefícios para a saúde."

Pinheiro diz que se sente mais relaxado e com melhor capacidade respiratória. "Percebo que fico menos doente e, quando pego um resfriado, recupero-me mais rápido do que os outros."

O infectologista Celso Granato, coordenador de patologia clínica do laboratório Fleury, afirma, no entanto, que não há comprovação alguma de que isso funcione.

"O que pode dar resultado a longo prazo é evitar o contato com pessoas doentes, especificamente em caso de doenças respiratórias e diarreias. Por isso pedimos para as pessoas lavarem mais as mãos em surtos de gripe", afirma o médico.

Para Katz, a receita básica para evitar adoecer é: "Não fume, não fume e não fume. Depois disso, o importante é manter um peso adequado, uma boa alimentação e fazer exercícios. Fazer isso já é bom. Mas muito mais que isso também não ajuda tanto."

OS SEGREDOS DAS PESSOAS QUE NUNCA FICAM DOENTES
AUTOR Gene Stone
EDITORA Lua de Papel
PREÇO R$ 19,90 (214 págs.)

1) BANHOS FRIOS

Defensores da prática dizem que a água gelada reduz o número de infecções e melhora a resposta imunológica, fortalecendo os contra-ataques do organismo contra invasores. Mas os banhos frios não são recomendados para quem tem problemas cardíacos, porque a água gelada pode alterar a pressão arterial --e só os mais corajosos os aguentam no inverno...

2) RESTRIÇÃO CALÓRICA

Adeptos da redução calórica afirmam que isso prolonga a vida e protege contra doenças. Por enquanto, só pesquisas com animais confirmam os benefícios da dieta. Além disso, uma redução drástica da comida abre as portas para transtornos alimentares, como anorexia e bulimia, por exemplo.

3) COMER SÓ VEGETAIS

Uma dieta baseada em plantas reduz drasticamente o colesterol. Alguns estudos já ligaram a carne vermelha e leite a uma maior ocorrência de câncer.Outras pesquisas mostraram que comer mais vegetais não reduz a incidência de tumores e que cada tipo de alimentação está ligado a um tipo de tumor. Em resumo: a alimentação pode determinar qual tumor a pessoa pode vir a ter, mas nenhuma dieta elimina o risco.

4) COMER ALHO

Pesquisas já ligaram o consumo a menor pressão arterial e maior produção de óxido nítrico, que facilita a circulação do sangue e reduz a formação de placas nas artérias. Estudos também lhe creditam efeito antibiótico e antioxidante. Mas, fora o bafo, os médicos não garantem que comer alho tenha algum efeito.

5) SESTA

Pesquisas já mostraram que uma soneca rápida, de cerca de 30 minutos, pode melhorar a saúde do coração, além de aprimorar a memória e o aprendizado. A sesta reduz o nível dos hormônios do estresse, especialmente para quem tem empregos mais exigentes. O importante é não exagerar: 30 minutos são o bastante.

6) VITAMINA S (SUJEIRA)

Ter mais contato com sujeira, como não lavar direito os alimentos, pode evitar doenças como alergias e inflamações. Essa hipótese é defendida por parte dos cientistas, que acredita que se proteger excessivamente da sujeira acaba levando o sistema imune a respostas exageradas, causando doenças.

7) PROBIÓTICOS

O consumo de iogurtes, levedura de cerveja, queijo cottage, entre outros alimentos, povoa nosso corpo com bactérias "boas", que ajudam a defesa contra as "más". Já é aceito que esses alimentos ajudam a repovoar a flora intestinal após episódios de diarreia. Mas ainda não se sabe se comer todo dia faz diferença, porque temos colônias de bactérias boas naturalmente.

8) PENSAMENTO POSITIVO

Muitos estudos já mostraram que o pensamento positivo reduz os níveis de estresse e pode aumentar a resistência contra gripe. Estudos mostram que a atitude positiva pode influenciar até no sucesso de um transplante de rim. O efeito placebo é um exemplo de como a crença pode fazer até um tratamento falso funcionar.

9) ÁGUA OXIGENADA

Um dos personagens do livro tem o costume de enfiar a cabeça, todos os dias, em uma pia com água quente e água oxigenada para ficar "imune" a infecções. O peróxido de hidrogênio, de fato, é usado para limpar ferimentos, mas daí a dizer que pode nos tornar mais saudáveis, é um passo e tanto.

10) EVITAR GERMES

Bactérias podem sobreviver por horas em maçanetas e outros objetos. Apertos de mãos, locais fechados, manusear carrinhos de supermercados, tudo isso pode carregar germes para o corpo. Lavar as mãos com frequência, especialmente depois de ter contato com doentes, pode mesmo evitar doenças, mas não é garantia, segundo os médicos.

Fonte: Folha.com | Divulgação: Midia Gospel