MIDIA GOSPEL

Qua11262014

Last update04:43:29

O reavivamento vêm quando vemos Deus novamente, diz John Piper

Gostou? Comente este artigo no fim da página

Notícias Gospel O reavivamento vêm quando vemos Deus novamente, diz John Piper | Noticia Evangélica Gospel

“Você pode ser salvo e ainda ter um entendimento inadequado de Deus até ter uma visão certa Dele,” diz o pastor John Piper. Ele usou, como exemplo, o já falecido Chuck Colson para este assunto.

“Fundador da Prison Fellowship que morreu em abril deste ano, durante anos após sua conversão sofreu um período de crise espiritual”, disse Piper quando começou a falar sobre o tema cujo título é “In the Throne Room: The God of Holiness and Hope” (Diante do Trono: A esperança e a Santidade de Deus), numa manhã de sábado ao terceiro dia na Convenção Nacional das Mulheres em Orlando, Flórida (EUA).

“Em 1 de junho de 1973, Colson ouviu o evangelho pela primeira vez de Tom Phillips, em meio ao crescente escândalo do Watergate. Naquela noite o então assessor do Presidente Richard Nixon disse que clamou a Deus e encontrou-se atraído para Seus Braços. Aquela foi a noite a qual ele entregou sua vida a Jesus Cristo e começou a maior das suas aventuras”, Piper refere-se a Colson.

“Colson assume sua participação no escândalo do Watergate em 1974. Ele tornou-se um cristão comprometido, enquanto ainda era acusado do escândalo. Foi então que um amigo o entregou uma cópia do livro de C.S Lewis chamado ‘Cristianismo puro e simples’. Sua conversão o levou a assumir sua culpa, ao obstruir a justiça enquanto estava em julgamento desmentindo o caso contra ele. Ele cumpriu sete meses de uma sentença de reclusão de um a três anos.

Anos depois, Colson passou por um período de crise espiritual quando um amigo sugeriu que assistisse uma gravação das séries de R.C. Sproul sobre santidade de Deus”, disse Piper. “Pelo final da sexta leitura, ele estava de joelhos em oração profunda, em reverência a santidade absoluta de Deus”, Piper cita a descrição de Colson descrevendo sua experiência em seu livro Loving God.(sem título em português). “Ganhei uma nova experiência: a de mudança de vida, um novo entendimento de que Deus é Santo e eu creio e o sirvo”.

Piper, pastor da Preaching at Bethlehem Baptist Church em Minneapolis (Minessota, EUA), por mais de três décadas, disse o que acontece a muitas pessoas. “ Um novo e completo entendimento de Deus que salva de uma visão equivocada de Deus... E aconteceu comigo entre os 22 e 25 anos na cidade da Califórnia... e minha oração é que Deus faça o mesmo em vocês.”

“Aconteceu com Jó depois de ter uma visão de Deus”, Piper cita Jó 42.3-6: "Certo é que falei de coisas que nem eu entendia, coisas tão maravilhosas que eu não poderia saber... Meus ouvidos já tinham ouvido a teu respeito, mas agora meus olhos te viram; por isso menosprezo a mim mesmo e me arrependo no pó e na cinza.”

Piper compartilhou sete visões sobre Deus com base em Isaías 6:1-4 para ajudar os milhares de conferencistas a ter um entendimento mais adequado de Deus.

“A primeira é que Deus vive,” disse.

“Deus já existia antes do universo se formar, já era vivo quando Sócrates tomou o veneno. Era o Deus Vivo quando William Bradford governou a colônia de Plymouth (1620 a 1691).

Era vivo em 1966 quando Thomas Altizer anunciou “a morte de Deus” e a revista Time deu absoluto destaque colocando-o na capa.

“Deus estará vivo daqui a 10 trilhões de anos, como hoje, mesmo quando todos os pequeninos tiros de balas de chumbo forem feitos contra a Sua realidade; e cairão no esquecimento como se cai no Oceano Pacífico,” acrescentou.

“Deus é soberano”.

“‘Eu vi o Senhor sentado no trono.’ disse Piper ao compartilhar a segunda visão de Deus citando Isaías.

“Não há visão nenhuma visão no céu de Deus arando um campo, cortando Sua grama, engraxando os sapatos, preenchendo relatórios ou carregando um caminhão, E o Céu não está distante como parece”, disse Piper.

“Deus nunca está em estado de Juízo final com o seu Reino Celeste. Ele senta no seu trono e tudo está debaixo do Seu controle. Estar no trono significa ter Seu direito de governar o mundo. Você não dá autoridade sobre sua vida a Deus, ele a tem na totalidade. Ele é a Suprema Corte, a Legislatura e o Executivo; e não cabe recurso”, disse Piper.

Ele continua: “Em terceiro, Deus é onipotente”.

“O trono de Deus não é mais um entre tantos. Está acima: ‘ Eu vi o Senhor sentado no trono alto e exaltado’. Isso significa, que o trono de Deus está muito acima que todos os demais tronos,” Piper explica a citação de Isaías.

“Quarto, Deus é a Luz.”

“‘Eu vi o Senhor sentado num trono alto e exaltado, e sua veste enchia o templo ‘, como descreve Isaías. Este manto de Deus que enche todo o templo celeste significa que Ele é um Deus de esplendor incomparável e Deus é generoso em esplendor, Sua plenitude criativa e transborda em beleza”, disse.

“Deus também é venerado” , compartilha o pastor sobre o quinto vislumbre de Deus. “Acima dEle estavam os serafins; cada um com seis asas: Com duas cobriam seu roso, e com duas os seus pés, e com duas eles voavam.”

Piper pediu aos conferencistas que imaginassem os “Blue Angels” (aviões da marinha americana que fazem apresentações; como a esquadrilha da fumaça) em formação para um mergulho com a presença da comitiva presidencial para, por uma só vez diante deles, quebrar a barreira do som. “Não há criatura débil e tola no Céu. Só aqueles que são grandiosos.”

Assim, o pastor de Minessota enfatiza o sexto vislumbre de Deus, “Deus é Santo”.

“O significado profundo de ‘santo’ é, provavelmente, cortar ou separar. Algo Santo é cortado e separado de uma coisa e consagrado a outra,” explica.

“O que você pode separar para Deus para torná-lo Santo?” Indaga. “Isto significa que Deus está separado de tudo aquilo que não faz parte da Sua Natureza. Existe uma diferença qualitativa infinita entre Criador e criatura. Deus é um, e assim, seu valor não tem fim. Deus é infinitamente valioso”, diz.

“Não consigo pensar em nada que tivesse maior impacto em sua vida, que crer nisso. O valor mais importante do universo não está em você, nem na sua família, muito menos dos 7 bilhões de seres humanos ou nos bilhões e bilhões de galáxias. Somos como um gota de nada dentro de um balde comparado ao valor de Deus. O maior problema neste mundo é a incapacidade de sentir isso.”

Piper também fez a observação de que Deus não é Santo por manter a regras: Ele as escreve. Nem é Santo por que mantem a lei. A lei é santa porque ela O revela. “Deus é absoluto”.

E continua: “A sétima visão de Deus: Deus é glorioso, e ela é a manifestação da Sua santidade,” explica. “Sua santidade é de uma perfeição incomparável. ‘Deus é glorioso’ significa que Sua santidade é pública. “Sua Glória é o segredo revelado de Sua santidade.”

Ele citou de Levíticos 10.3, o qual Deus diz: “Aos que de mim se aproximam, Santo me mostrarei; à vista de todo o povo, glorificado serei.”

“A santidade de Deus é Sua Glória ocultada. A Glória de Deus é Sua Santidade revelada,” conclui Piper.

A Conferência das Mulheres, que aconteceu em Orlando (Flórida), começou na sexta (22 de junho) e terminou em (24 de junho), foi para mulheres mas não falou só de mulheres. De acordo com os organizadores foi sobre o evangelho de Jesus. Durante os três dias, ofereceram-se às mulheres exposições bíblicas de renomados mestres da Bíblia incluindo Tim Kellen e Don Carson. Palestrantes como Lauren Chandles e Karen Loritts, entre outros, deram sua palavra. O tema do evento foi: “Aqui está o Nosso Deus!”

Os melhores Estudos Biblicos Midia Gospel

Vídeo John Piper - Legendado em Português

Fonte: The Christian Post | Divulgação: Midia Gospel

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar