MIDIA GOSPEL

Dom08202017

Last update10:05:07

Muçulmano se torna pregador do Evangelho de Cristo

Gostou? Comente este artigo no fim da página

Muçulmano se torna pregador do Evangelho de Cristo | Noticia Evangélica Gospel

Um muçulmano conhecido como Andi, não queria ouvir nada sobre Cristo, até que um dia experimentou um milagre. Andi cresceu como um muçulmano e se considerava um fiel devoto do Islã. “Eu era diligente na pratica da fé muçulmana. Incentivava os amigos a orar e a construir a mesquita. Era fiel ao Islã e não pretendia ter amizade com os cristãos. Meu objetivo era ser rico. Também me envolvi com a bruxaria, as pessoas me procuravam para que as curasse e assim me pagavam

Eu tinha uma grande casa e muito dinheiro, mas me sentia vazio”, disse ele. Andi, disse que tudo isso mudou quando um cristão chegou a sua casa e lhe falou sobre Jesus.

“Ele continuava vindo em casa, mas eu o evitava. Um dia minha família e eu ficamos enfermos com uma febre muito forte. Esse cristão nos levou ao hospital. Ele e seus amigos cuidaram de nós.”, explica.

Os cristãos também lhe deram uma Bíblia e o encorajou a lê-la. “Não queria ler a Bíblia, mas quando eu curei, senti uma vontade de lê-la. E quando a li queria saber mais sobre Jesus“.

Desde então, os amigos cristãos de Andi se reuniram em sua casa para estudar a Bíblia. Quando seus vizinhos muçulmanos ouviram cantando canções cristãs, os lideres muçulmanos vieram em sua casa para convencê lo a voltar ao islamismo.

No entanto, Andi se recusou e começou a pregar o Evangelho, deixando seus vizinhos muçulmanos revoltados, a ponto de mais de 30 deles atirarem pedra em sua casa.

Ele foi levado diante de uma multidão em uma praça. Eles questionaram sua nova identidade religiosa e confiscaram seus documentos.

Estes documentos continham importantes informações pessoais, incluindo sua religião. Sem estes documentos, uma pessoa não pode obter um passaporte, licença ou realizar transações comerciais.

Andi sofreu muita oposição depois de mudar sua filiação religiosa, deixando de ser muçulmano para se tornar um cristão. Agora está pagando corajosamente um alto preço mesmo que isso signifique viver em um lugar remoto.

A organização cristã, “Portas Abertas” arranjou-lhe um advogado. “O advogado apresentou uma carta ao líder do povo, dizendo que as leis da Indonésia incluem o direito de Andi escolher sua religião. O líder devolveu os documentos que mostra sua nova identidade em Cristo“, disse Boas Panggabean, coordenador do Portas Abertas.

Mas, como não havia segurança para sua família, Andi com sua esposa e cinco filhos, deixaram a aldeia, perdendo a sua casa e seu trabalho.

Ele esta agradecido pelo “Portas Abertas” ter lhe ajudado a começar um novo negócio. Ele vende aparatos domésticos em sua nova comunidade. “O surpreendente é que junto a sua mercadoria, ele também ofereçe a salvação de Cristo aos seus clientes, incluindo os muçulmanos de sua cidade anterior.”.

“Quando eu era muçulmano minha vida estava cheia de ocultismo. Ganhei muito dinheiro com o ocultismo. Sim, era rico, mas minha riqueza vinha do mal. Meu coração era pobre. Agora, apesar de fisicamente ser pobre, tenho grande paz em meu coração. É Deus a quem busquei me fez tão rico. Quero compartilhar isso com todos. Meu desejo é ver as pessoas salvas“. – disse ele.

Fonte: Portal Padom | Divulgação: Midia Gospel