MIDIA GOSPEL

Qua08232017

Last update09:49:28

Jesus Cristo é o dono deste país, e não Iemanjá, diz Paschoal Piragine

Gostou? Comente este artigo no fim da página

Notícias Gospel Jesus Cristo é o dono deste país, e não Iemanjá, diz Paschoal Piragine | Noticia Evangélica Gospel

Iemanjá, a divindade africana que foi apresentada como a cara do Brasil no encerramento das Olimpíadas 2012, não é a “dona deste país”, afirmou o pastor Paschoal Piragine, presidente da Convenção Batista Brasileira. Piragine, que é pastor da Primeira Igreja Batista de Curitina (PIB-Curitiba), disse na sua pregação deste domingo que ficou muito triste sobre o altar que foi levantado no final das Olimpíadas de Londres 2012, dedicado à Iemanjá.

“Iemanjá não é dona deste país, Jesus Cristo é o dono deste país”, afirmou ele com indignação. O episódio chocou a muitos líderes cristãos num país que é considerado o segundo maior país evangélico bem como o maior país católico do mundo em termos de número de adeptos. Paschoal Piragine comentou sobre o tema da Iemanjá em meio ao seu sermão sobre o signifcado do altar na vida de Abraão, na passagem de Gênesis 12: 6-9, onde fala que Abraão construiu um altar para Deus.

Segundo ele, o altar serve para celebrar o pacto com Deus e oferecer a adoração a Ele, significando também um marco de posse de uma promessa e consagração do dono de uma terra. Piragine explica que, geograficamente, o dono do lugar é aquele a quem se dedica o altar. Assim, os que consagram um lugar a deuses que não o Deus maior, estão afirmando que o dono da terra são tais deuses.

Citando a passagem de 1 Coríntios 10: 14-15, (“Portanto, meus amados, fugi da idolatria …) ele explica também que quando se tira Jesus do centro da adoração o crente está colocando uma figura secundária. Segundo a Bíblia, ele diz, isso é idolatria. Piragine relembra ainda que a verdadeira adoração é “quando eu me coloco no altar de Deus. Eu sou a maior oferenda”, diz citando Romanos 12:1 “Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.”

Com relação a adoração de outros deuses, a exemplo de Iemanjá, essas não são expressões meramente culturais afirma ele, essas são expressões “tremendamente” espirituais. De acordo com ele, cada vez que as pessoas lidam com essas entidades, muitas ficam possessas por satanás. “Porque atrás dessas figuras existem demônios. Só existe um mediador entre Deus e os homens. Jesus Cristo. Ele é o único que leva a nossa oração ao pai. A Bíblia ensina que a oração dos crentes é direta a Deus”.

“Jesus é o nosso sumo-sacerdote que intercede por nós. Ele é o nosso advogado que luta pelas nossas causas. Ele é o nosso libertador e transformador.” E ele urge que “Quando a gente constrói um altar na nossa vida, na nossa casa, na nossa cidade, deve ser para Jesus, porque fora isso estamos indo pelos caminhos da idolatria.”

Fonte: The Christian Post | Divulgação: Midia Gospel