MIDIA GOSPEL

Seg10232017

Last update12:20:27

Curso de educação financeira para igrejas

Gostou? Comente este artigo no fim da página
Gospel o melhor da WEB Curso de educação financeira para igrejas Noticia Religião

A Dsop (Diagnosticar, Sonhar, Orçar e Poupar) criou materiais informativos e palestras para ensinar educação financeira para crianças, jovens, adultos, famílias e até mesmo para igrejas. O objetivo dessa empresa é suprir a falta de informação em relação a esse tema, já que no Brasil não aprendemos como lidar com o dinheiro e, por esse motivo, muitos gastam mais do que ganham e acabam endividados.

Jovens, casais, empresários, profissionais liberais, pastores e até mesmo igrejas estão endividados por não saberem como administrar as finanças. “Esse projeto mostra que o dinheiro é o meio, não o fim. Também ensinamos que as famílias devem dialogar entre si para decidirem o que elas querem e o que realmente precisam”, diz Júlio Santos, educar financeiro.

Evangélico, Júlio Santos sentiu na pele o que uma vida financeira sem planejamento pode causar na vida de uma pessoa. “ Quando  a pessoa entra em dívidas sua saúde emocional, mental, física, familiar e espiritual acabam sendo atingidas”. A palestra “Educação Financeira e Vida Espiritual” foi criada por ele para contar sua história de vida e como seus problemas financeiros interferiram em sua família, casamento, relação com filhos e relação com Deus e também como ele conseguiu se recuperar.

As palestras oferecidas gratuitamente por ele e por sua equipe tentam mudar  a percepção das pessoas em relação ao dinheiro. “Você precisa guardar dinheiro para conquistar sonhos em curto, médio e longo prazo”, diz o educador que já alerta que essas palestras não têm o objetivo de fazer com que as pessoas fiquem ricas, mas a ter saúde financeira, que é aprender a gastar bem e a poupar.

Júlio Santos conta que contraiu dívidas logo quando conseguiu seu primeiro emprego, quando tinha 14 anos. Sua história se enquadra no perfil do inadimplente divulgado pela Associação Comercial de São Paulo que em uma recente pesquisa revelou que 41% das pessoas endividadas são jovens entre 21 e 30 anos. Boa parte deles contraiu dívidas logo no primeiro emprego.

Para quem já está no vermelho, o educador financeiro dá quatro dicas para solucionar essas pendências e voltar a ter uma vida financeira equilibrada:

1º Reduza seus gastos e comece a guardar dinheiro; 2º Pare de fazer novas dívidas; 3º Faça um levantamento de tudo o que está devendo e 4º Negocie.

Mais informações sobre da Dsop podem ser obtidas através do site www.dsop.com.br. A empresa é uma das expositoras da ExpoCristã que acontece até o próximo domingo, 25, no Anhembi em São Paulo.

Fonte: Gospel Prime