MIDIA GOSPEL

Seg12052016

Last update01:10:10

Psiquiatra questiona eficiência das clínicas de recuperação de dependentes de drogas que tem vínculos religiosos

Gostou? Comente este artigo no fim da página

Psiquiatra questiona eficiência de clínicas de recuperação de dependentes de drogas que tem vínculos religiosos | Notícias Evangélicas Gospel Cristãs

A vice-presidente da Associação Brasileira de Estudos do Álcool e Outras Drogas, a psiquiatra Analice Gigliotti, afirma que a administração de clínicas de recuperação de dependentes de drogas por instituições com vínculos religiosos pode prejudicar o tratamento de alguns pacientes.

Comentando o fato de que quatro das sete entidades selecionadas pelo governo do Estado do Rio de Janeiro para o serviço são ligadas a religiões, a psiquiatra afirma que tal modalidade de tratamento pode influenciar negativamente na recuperação de pacientes não religiosos.

De acordo com entrevista cedida ao IG, Gigliotti afirma que o tratamento em clínicas que tenham vínculos com instituições religiosas pode ser prejudicial para pacientes ateus. Segundo ela, “é desconfortável para um ateu estar numa comunidade com a qual não se identifica”. Alegando que esse tipo de paciente poderia abandonar o tratamento, a psiquiatra diz que “o ideal seria um centro de recuperação laico”.

Mesmo questionando a eficiência desses centros de recuperação, Analice Gigliotti diz que eles são uma alternativa mais econômica para tratar os dependentes químicos. “No Brasil não existe espaço para internar todos os pacientes, nem em clínicas privadas, muito menos nas públicas. O governo não sabe onde colocar essas pessoas. Além disso, não temos gente. Seria preciso tempo para achar profissionais e treiná-los, o que é um processo complexo e demorado”, justifica.

Entrevista com a psiquiatra Analice Gigliotti

Fonte: Gospel Mais | Divulgação: Midia Gospel