MIDIA GOSPEL

Sex12092016

Last update03:01:22

Pr Silas Malafaia: O discurso de Dilma na Onu foi um dos mais desastrosos, descabidos e mediocres

Gostou? Comente este artigo no fim da página

Notícias Gospel Dilma e a Islamofobia, e o filme de Maomé; Pr. Silas comenta | Noticia Evangélica Gospel

A presidente Dilma Rousseff discursou na ONU nesta terça-feira (25) e colocou seus pontos de vista desprovidos de coerência e visão democrática. Durante seu pronunciamento, Dilma afirmou haver Islamofobia no Ocidente, ignorou a Cristofobia (como o famoso caso do Pr. Youcef Nadarkhani), responsabilizou Israel pela crise do Oriente Médio, e propôs o reconhecimento do Estado Palestino como membro pleno das Nações Unidas.


Confira abaixo trecho do constrangedor discurso da presidente Dilma Rousseff na ONU:
Ainda como presidenta de um país no qual vivem milhares e milhares de brasileiros de confissão islâmica, registro neste plenário nosso mais veemente repúdio à escalada de preconceito islamofóbico em países ocidentais. O Brasil é um dos protagonistas da iniciativa generosa “Aliança de Civilizações”, convocada originalmente pelo governo turco.

Com a mesma veemência, senhor Presidente, repudiamos também os atos de terrorismo que vitimaram diplomatas americanos na Líbia.


Senhor Presidente,
Ainda com os olhos postos no Oriente Médio, onde residem alguns dos mais importantes desafios à paz e à segurança internacional, quero deter-me mais uma vez na questão Israel– Palestina.

Reitero minha fala de 2011, quando expressei o apoio do governo brasileiro ao reconhecimento do Estado Palestino como membro pleno das Nações Unidas. Acrescentei, e repito agora, que apenas uma Palestina livre e soberana poderá atender aos legítimos anseios de Israel por paz com seus vizinhos, segurança em suas fronteiras e estabilidade política regional.


Pr. Silas comenta:
Um dos mais desastrosos e medíocres discursos feito por um estadista brasileiro nas Nações Unidas. Vamos aos fatos:

1. Nunca vi uma coisa tão descabida fora da realidade, como a afirmação da presidente Dilma Rousseff, de que no ocidente existe uma Islamofobia. Pergunto: Em que nação do ocidente houve o impedimento para a construção de uma mesquita? Em que nação do ocidente um islâmico é proibido de praticar a sua fé? Em que nação do ocidente eles são perseguidos, presos, e ateiam fogos em suas mesquitas? Que declaração estúpida da presidente, querendo fazer média com as nações muçulmanas. Porque em qualquer país democrático do ocidente eles são livres para suas práticas religiosas.

2. A presidente Dilma perdeu sim, a oportunidade de falar da Cristofobia, onde nos países muçulmanos como Indonésia, Nigéria, Irã e etc… Pastores e cristãos são presos e assassinados, Igrejas com gente dentro são queimadas, proibição de abertura de igrejas cristãs, e uma verdadeira perseguição religiosa. A presidente perdeu a oportunidade de falar sobre isso, pois o Brasil é composto de 90% de cristãos, e aqui no nosso país não existe nenhum tipo de perseguição ou retaliação aos muçulmanos. QUE VERGONHA! A presidente Dilma perdeu a oportunidade de ficar de boca fechada sobre este assunto. Não vimos nenhum movimento dela em favor da libertação do pastor Youcef no Irã, preso pelos intolerantes islâmicos do Irã.

3. Quanto ao outro assunto que só haverá paz no Oriente Médio quando houver um Estado pleno e soberano palestino, faço as seguintes colocações:

Israel é o único Estado democraticamente pleno no Oriente Médio. Os que governam os palestinos são grupos terroristas que pregam a eliminação do Estado de Israel, e que praticam atentados contra a soberania deste Estado. Como Israel poderá reconhecê-los?

Os palestinos querem Jerusalém como sua capital. Como isto pode acontecer se Jerusalém é a capital do Estado de Israel, foi fundada pelo rei Davi, e Jerusalém, na história, nunca foi capital de Estado Árabe? Como um Estado soberano vai dividir sua capital?

Israel ocupa 1% de todo território, não se engane com a propaganda. Os palestinos são de origem árabe, não possuem cultura palestina, possuem uma língua e cultura árabes. Milenarmente aquelas terras pertencem a Israel, creio que haverá paz (tirando aqui a questão escatológica e espiritual) quando eles reconhecerem o Estado de Israel como uma nação soberana.

4. Por que a comunidade internacional não defende uma nação soberana para os curdos que vivem em parte do Iraque, Irã e Turquia? Por que não separam esta região de pequenas partes destes países para formar um Estado Curdo? Por que, também, a comunidade internacional não luta em favor do país Basco, que está na região da Espanha?

5. Meu recadinho final para a presidente Dilma sobre Israel:
Abençoareis os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem.

6. Quanto ao filme amador que ridiculariza fundamentos da fé Islâmica, eu tenho dito que no Brasil pode falar mau de Deus, diabo, pastor, padre, evangélicos, católicos, presidente, etc… Não se podia falar contra gay, e agora também contra o Islamismo. Nas novelas debocham de evangélicos e pastores, e no cinema mundial existem vários filmes e documentários debochando da fé dos evangélicos e dos católicos. Ninguém fala nada, ninguém diz nada, e ainda se utilizam do Estado Democrático de Direito, onde a crítica é livre – e eu concordo com isto. Será que a democracia está se dobrando ao terror, e ao medo de retaliações sanguinárias, das ameaças provindas de extremistas religiosos islâmicos? Que vergonha um juiz ir contra a constituição brasileira e mandar retirar um filme de quinta categoria que debocha do Islã. Sejam nós, evangélicos, católicos, islâmicos, espíritas, etc.. Temos que entender que no Estado Democrático de Direito estamos sujeitos ao deboche, à crítica, à contradição, e que também temos o direito, segundo nossas convicções, de utilizarmos os mesmos princípios. Não podemos nos dobrar a nenhum tipo de radicalismo que fere os princípios democráticos. Como disse o presidente Obama: “O filme é ridículo e repugnante, mas nada está acima da liberdade de expressão”.


Resposta do Pr. Silas Malafaia ao comentário do internauta Daniel
Eu não sei em que país você mora. Ainda há pouco, a TV Globo terminou uma novela que mostrava uma evangélica metida a fanática, mas que era da “pá virada”. Por acaso, isso não era para nos ridicularizar?

Numa outra novela, um gay ridiculariza pastores e vai por aí a fora…

Eu acho que você não entende o significado de liberdade de expressão, que é você expressar suas ideologias e crenças de maneira livre, no espaço democrático, entendendo que pode ser contraditado.

Agora, o que acontece nas nações islâmicas é que cristãos são assassinados, presos e impedidos de professar a sua fé.

Criticar alguém é muito diferente de matar, mandar prender ou impedir de falar.

Se você é petista e quer defender Dilma, é problema seu. Mas não seja ridículo em um comentário tão medíocre como este.

No Estado Democrático de Direito é livre criticar e ser criticado. E todas as vezes que alguém se levantar para ridicularizar a nossa fé, como você mesmo disse, “eu vou babar”, e isto é tremendamente democrático.


Resposta do Pr. Silas Malafaia ao comentário do internauta Marcio Silveira
Com todo o respeito a você, que tem o direito de professar a fé no que você desejar, lamento, mas a verdade tem de ser dita: os Mórmons não são igreja evangélica pelo simples fato de terem um profeta chamado Joseph Smith e por contrariarem vários princípios da fé cristã.

Aconselho você ler um pouco a historia desse tal profeta e como ele terminou os seus dias. Para te ajudar mais um pouquinho, todas as afirmações da Bíblia que estão no âmbito da historia e da arqueologia são tremendamente comprovadas.

Tudo o que Joseph Smith declarou na revelação que ele diz ter recebido de um anjo, e que aconteceu nos Estados Unidos, e que são passíveis da história e da arqueologia pesquisarem, nada foi comprovado!

Jesus disse que o que vem depois dele é ladrão e salteador de ovelhas. A revelação final está em Jesus Cristo.

O apóstolo Paulo em Gálatas 1:8-9 diz: “Qualquer que anunciar um outro evangelho, seja amaldiçoado. Outra vez repito: mesmo que eu ou um anjo do céu vos anuncie um outro evangelho, seja amaldiçoado”.

Deus abençoe você e que a luz do evangelho venha te esclarecer.

Fonte: Verdade Gospel | Divulgação: Midia Gospel

Os melhores Estudos Biblicos Midia Gospel

Vídeo Dilma Rousseff discursando na ONU