MIDIA GOSPEL

Seg12052016

Last update01:10:10

MP e ativistas ateus pedirão ao ministro da Fazenda que retire frase ‘Deus seja louvado’ das cédulas do Real

Gostou? Comente este artigo no fim da página

GOSPEL Fotos e imagens MP e ativistas ateus pedirão ao ministro da Fazenda que retire frase ‘Deus seja louvado’ das cédulas do Real Noticia brasil

Uma petição pública para que o Banco Central retire a frase “Deus seja louvado” das cédulas do Real está sendo divulgada pela Liga Humanista Secular do Brasil (LiHS). A iniciativa contava com pouco mais de duas mil assinaturas até o momento.

O procurador Jefferson Aparecido Dias, que já havia tentado anteriormente a retirada da inscrição através de um pedido ao Banco Central, agora apresentará o pedido ao ministro Guido Mantega.

Na ocasião, Dias obteve como resposta do Banco Central a recusa em remover das cédulas da moeda nacional, pois a decisão sobre o assunto caberia ao Conselho Monetário Nacional. Na nota divulgada à época, o BC afirmou que a moeda, assim como a Constituição nacional, foi promulgada “sob a proteção de Deus” e que a laicidade do Estado não proíbe a frase: “A República Federativa do Brasil não é anti-religiosa ou anti-clerical, sendo-lhe vedada apenas a associação a uma específica doutrina religiosa ou a um certo e determinado credo”, explicava a nota.

Agora, o procurador do Ministério Público Federal deverá apresentar ao ministro Mantega, que é o presidente do Conselho Monetário, o pedido para que a frase seja removida das cédulas do Real.

Nos Estados Unidos, a Corte Suprema decidiu em 2011 por não aceitar o pedido de um ativista ateu que moveu uma ação pedindo a retirada da frase “In God we trust” (“Em Deus nós confiamos”) das notas de dólar, de acordo com informações do jornalista Paulo Lopes.

Ministério Público e ativistas ateus querem retirar a frase 'DEUS SEJA LOUVADO' das cédulas do REAL

Fonte: Gospel + | Divulgação: Midia Gospel