MIDIA GOSPEL

Qua12072016

Last update08:11:10

Ladrão ‘bate carteira’ do bispo em missa

Gostou? Comente este artigo no fim da página

Ladrão ‘bate carteira’ do bispo em missa | Noticia Evangélica Gospel

O bispo de Rio Preto, dom Tomé Ferreira da Silva, foi vítima de furto dentro de uma igreja, em São Paulo, no último dia 30. Enquanto ele assistia a uma missa, o autor do crime foi até a sacristia, encontrou a bolsa do religioso que estava guardada com seus pertences e retirou todo o dinheiro. Pelo menos cinco pessoas, como Lúcia Granero, fizeram questão de demostrar preocupação com o fato e pediram a “absolvição religiosa” do meliante. “Que bom que o senhor está bem. Rezemos por esta pessoa. Ela precisa de nossas orações, de ajuda e amor no coração.”

O crime foi comentado pelo próprio bispo nas redes sociais Twitter e Facebook. No pequeno texto, dom Tomé compartilha a insólita experiência e aproveita a oportunidade para agradecer a um padre, chamado apenas de Ricardo, que emprestou dinheiro a ele de forma oportuna, no momento de desespero.

“Roubado. Nunca imaginei que visitariam minha bolsa durante a missa. Se foi o dinheirinho. Obrigado, padre Ricardo, pela caridade. Deu para o lanche”, é o que diz o texto escrito pelo bispo. Apesar da gravidade do fato, ele não registrou boletim de ocorrência. Dom Tomé foi a São Paulo, no último domingo, com o objetivo de assistir no período da manhã à ordenação episcopal de Dom Elio Rama, que é seu amigo. A cerimônia foi realizada na paróquia São Marcos, no bairro Pedra Branca, zona norte. Retornou no mesmo dia. Tinha compromissos na diocese.

Monsenhor Rama se tornou bispo da diocese de Pinheiro, no Maranhão. Estavam reunidas na paróquia durante a ordenação importantes figuras da Igreja Católica, entre as quais o cardeal-arcebispo metropolitano de São Paulo, dom Odilo Scherer, além de dezenas de bispos de todo o Brasil.

O crime foi descoberto por dom Tomé apenas no final da celebração. Na tarde de ontem,ele foi procurado pelo Diário para comentar o fato, mas declarou, via assessoria, que estava ocupado com seus afazeres na diocese e não tinha tempo para atender a reportagem. Sua assessoria não tinha informação sobre o valor levado. Nem se outros pertences também acabaram furtados.

Assim que comentou sua recente experiência na internet, a repercussão foi imediata. Até por ser tratar da maior autoridade da Igreja Católica em Rio Preto e região. Os 78 comentários, até o fim da tarde de ontem, oscilaram entre a indignação, bom humor, revolta, apoio e até ironia. A internauta Ivany Rinaldi declarou. “Isso, sim, é o fim do mundo.” Já Kleber Sanches escreveu que “atualmente as pessoas estão se importando menos com o outro. Nem o bispo pouparam”.

Outro comentário seguiu a mesma linha de pensamento. “A coisa está feia. Nem o bispo está escapando”, diz Maria Aparecida Damasceno.

“Dom Tomé, nem dentro da Casa do Pai temos o direito de fechar olhos para orar. Não temos mais o direito de contemplar a face de Cristo, sem deixar de nos preocupar com nossas bolsas. É muito triste saber que o ser humano chegou a esse ponto tão medíocre”, afirma Maria Cândida Rosa.

Fonte: Diario Web | Divulgação: Midia Gospel

Os melhores Estudos Biblicos Midia Gospel