MIDIA GOSPEL

Seg12052016

Last update01:10:10

Íris Abravanel, Evangélica, Esposa de Silvio Santos, diz que nunca seria judia

Gostou? Comente este artigo no fim da página

Íris Abravanel, Evangélica, Esposa de Silvio Santos, diz que nunca seria judia | Noticia Evangélica Gospel

A esposa do apresentador Silvio Santos, dono da emissora de televisão SBT, Íris Abravanel concedeu uma entrevista a revista ISTOÉ esta semana falando sobre o marido Silvio Santos, seu trabalho como escritora e sobre sua conversão a Cristo. Sobre sua conversão, Iris conta que seu encontro com Jesus aconteceu dento de sua casa. A autora lembra que todos os funcionários da casa eram evangélicos na época e seu copeiro, José que foi alfabetizado estudando a Bíblia, espalhava versículos pela casa.

“Ele se alfabetizou pela Bíblia e espalhava versículos pela casa. Eu olhava aquilo e achava legal, mas para o José”.

Íris relata que após decepções em outras religiões pediu para Deus se revelasse a ela, provando de sua existência. Ela conta que um dia seu copeiro apareceu dizendo que Deus havia mandado dizer que Jesus a amava muito.

“Pedi para Deus que, se ele existisse, desse uma prova de sua existência. Estava em casa e pedi um café. O José me trouxe e logo foi dizendo: ‘Olha, dona Íris, ainda bem que a senhora me chamou. Eu estava lá no seu jardim e o meu Deus mandou eu te dizer que a senhora é muito amada por Jesus’. Comecei a chorar”.

Íris ainda conta que no dia seguinte procurou por uma Bíblia “para saber quem é Jesus” e seu copeiro lhe ofereceu a dele, de imediato revela que não aceitou, mas que naquele momento aprendeu uma lição com a resposta de José.

“O José quis me dar a dele. E eu não quis. Aí, ele me disse: ‘Dona Íris, a senhora tem tudo. Esse é o melhor presente que eu posso lhe dar e a senhora não quer aceitar?!’ Foi a primeira lição que tive. Como somos soberbos”.

A autora não é frequentadora de nenhuma igreja específica, mas comenta que no início de sua conversão participava de cultos em, “qualquer garagem onde se falava de Jesus. Queria aprender”.

A primeira igreja que Íris Abravanel visitou foi a Assembleia de Deus, a segunda, foi a Congregação, “lembro que fui de saia e “Bíblia” na mão”, comenta a autora que revela que apesar de Silvio ser Judeu não tentou se converter ao judaísmo e que Silvio as vezes pede para que sua filha Patrícia que também é evangélica faça orações.

“Eu nunca seria judia. As meninas (filhas) aprenderam hebraico e fizeram Bat Mitzvá, acho bacana. O Silvio é judeu, vai à sinagoga, mas ele está quase vendo que o Messias...quando a gente ora, o Silvio se sente muito bem. Às vezes, ele pede para a Patrícia orar”.

Íris que é autora do remake de "Carrossel", sucesso com as crianças, passou a escrever novelas perto dos 60 anos. Ela explica que a vontade surgiu após Silvio Santos reclamar da dificuldade de achar escritores no mercado. Ela conta que em um jantar se ofereceu para escrever para tentar resolver o problema que Silvio tinha em encontrar autores já que os melhores, segundo Íris, estão na Globo ou na Record

“Aí, em um jantar, ele lamentava a dificuldade que vinha enfrentando. E eu disse: ‘E se eu escrever?’. Na hora, eu pensava em resolver um problema dele. E acabei ganhando um problemão! Sofri preconceito no início. Muita gente dizia: ‘Ela vai ficar dois meses nessa e não vai aguentar, vai para o shopping’. Mas, como diz o Chaves, ‘não contavam com a minha astúcia’”, disse bem-humorada.

Antes de casar com Silvio Santos Íris havia sido amiga, afilhada (o empresário foi padrinho do primeiro casamento dela), namorada, virou esposa e atualmente é mãe de quatro filhas dele.

Fonte: The Christian Post | Divulgação: Midia Gospel

Os melhores Estudos Biblicos Midia Gospel